Só dá peles e pelos

Desfile Outono_Inverno Gucci
Os desfiles de inverno das grifes internacionais consagraram as peles e os pelos como uma das principais tendências da moda para a temporada mais fria do ano – principalmente os sintéticos que acompanham a onda eco-friendly.
A diferença entre eles é simples: os pelos são mais compridos que as peles e têm um aspecto mais artificial – porém não menos luxuoso. Peças inteiras ou acabamentos com peles e pelos fake adicionam volume e textura às composições e aparecem em casacos, coletes, golas e até nas saias.

Para não errar na hora de compor o look, a dica é misturar texturas usando a tendência com tecidos mais leves, como a seda. Quem gosta de ousar na hora de se vestir pode escolher peças estampadas e de cores variadas, como o marrom e o branco, investindo em um look étnico e diferenciado. Qualquer tipo de armação fica bem com peles e pelos, especialmente as de tonalidades precisas como o marrom, o dourado e o padrão tartaruga.
Na foto ao lado, o vestido nude ganha sofisticação com o colete de pelos e os sapatos de pele com acabamento dourado. A bolsa de zebra dá o toque sexy à produção, que ganha ainda mais elegância com os maxióculos quadrados da Max&Co.

Tags: